Madonna Buder é uma irmã religiosa católica romana e triatleta olímpica sénior. Buder tem o atual recorde mundial para a mulher mais velha de sempre a terminar um Triatlo Ironman, que obteve aos 82 anos ao terminar o Subaru Ironman Canada a 26 de agosto 2012.
Buder começou a treinar aos 48 anos a mando do Padre João que lhe disse ser uma forma de ajuste, “mente, corpo e espírito” e para o relaxamento e calma que pode trazer a um indivíduo. Completou o seu primeiro triatlo aos 52 anos e o primeiro evento ironman aos 55 anos e continuou desde então.
Buder é bem conhecida na comunidade de triatlo pelas suas conquistas em corridas de grupo etário. Completou mais de 325 triatlos, incluindo 45 Distâncias Ironman. No Hawaii Ironman de 2005, aos 75 anos, a Freira de Ferro tornou-se a mulher mais velha de sempre a completar a corrida, terminando uma hora antes do tempo limite da meia-noite de 17 horas. No Hawaii Ironman de 2006, aos 76 anos, voltou a ser a mulher mais velha de sempre a completar a prova, terminando com o tempo de 16:59:03.
Em 24 de agosto de 2008, Buder participou da corrida Ironman realizada em Penticton, Colúmbia Britânica, Canadá. Não conseguiu terminar a corrida por um fator de segundos, pois não conseguiu chegar à meta dentro do limite de 17 horas.
Em 2010, a freira Madonna Buder também escreveu a sua própria autobiografia, intitulada “The Grace to Race”, ou seja, “A Graça de Correr”, ao mesmo tempo que, já com 88 anos, sagrou-se campeã norte-americana de triatlo na sua faixa etária.

 

No entanto, 371 dias depois, em 30 de agosto de 2009, Buder completou o Ironman Canada (Penticton, Colúmbia Britânica) com o tempo de 16:54:30. Esta conquista quebrou o seu próprio recorde de ser a mulher mais velha a completar a distância ironman aos 79 anos. Na verdade, a organização Ironman teve de adicionar novos escalões de idade à medida que a irmã envelhece. Infelizmente, apesar de Buder ter iniciado a competição do Ironman Canada em 2010 aos 80 anos, não conseguiu completar o curso, devido a uma questão de fato de mergulho. Competiu na competição do Ironman Canada em 2011, mas falhou o cut-off da bicicleta por 2 minutos.
Em 2012, estava disposta a voltar a competir num triatlo Ironman, visto querer abrir uma categoria de mais de 80 anos e ser a pessoa mais velha, masculina ou feminina, a terminar um triatlo Ironman. Buder tornou-se assim o recordista mundial do Ironman aos 82 anos, ao terminar o Subaru Ironman Canada em 26 de agosto de 2012. Bateu o recorde anteriormente detido por Lew Hollander, de 81 anos, que terminou o Campeonato do Mundo ironman Kona em 2011. Buder terminou a corrida em 16:32:00 minutos batendo Hollander de 16:45:55, embora tenham competido em diferentes pistas. Hollander, Buder e Bob Scott tinham 82 anos quando competiram no Campeonato do Mundo de Ironman de 2012, em Kona, em 13 de outubro de 2012, mas Buder e Scott não terminaram a corrida.
A cada ano que passa vai ficando mais difícil para ela, afinal nós vamos perdendo a força física com a idade. Mas ela tem uma força espiritual muito grande, e não são só os êxitos que fazem um grande atleta